terça-feira, 30 de março de 2010

Esclarecimentos sobre vários tipos de carregadores.

Este védeo da revista Crescer é bem esclarecedor!
Gostei

Aproveito também postar uma parte da matéria falando sobre o "Uso do Sling sob alerta nos EUA e no Canadá"

Esclarecimentos no fim da matéria que alerta para a forma de carregar bebês dentro dos slings:

Para ver o inteiro teor acesse:
Revista Crescer

Segue parte da matéria na integra

Vários modelos de carregadores

"Apesar de serem todos chamados de sling, existem algumas variações de modelos, cada um exigindo dos pais uma atenção especial.

Slings com anéis, que são ajustáveis de acordo com o corpo da pessoa que está carregando o bebê, são considerados mais seguros por alguns, mas exigem que sejam de uma marca de confiança. O peso do bebê estará todo apoiado no tecido e, principalmente, na argola que sustenta e amarra esse tecido, então é recomendado que não sejam feitos em casa, e com materiais 100% seguros.

Com os chamados baby bags, que lembram uma cesta, e que são, justamente os modelos pedidos no recall, é necessário atenção redobrada com a ventilação do bebê, pois seu rosto pode acabar encoberto, afinal, ele não é tão anatômico quando o anterior.

Existem slings feitos sob medida que são feitos de pano, porém não levam a argola. Além de assegurar que ele foi feito por uma empresa responsável e de confiança, lembre-se de checar as costuras e nunca se esqueça de que o sling, qualquer que seja o modelo, nunca deve ficar abaixo ou até mesmo na linha do quadril. "



Um comentário:

Direto do Útero disse...

Muito interessante este vídeo da revista crescer, vou adicionar no post que estou escrevendo sobre slings. No site da bebeboutique.com.br tem um sling de cetim de seda que é lindo, vc acha que é seguro?
www.diretodoutero.blogspot.com